Cume do Everest com Maximo Kausch e Pedro Hauck

Mais informações ao meu e-mail

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Copiar amigos (separar emails por vírgula)

Aceito receber notícias de futuras expedições, cursos ou viagens

 FALTAM

PARA A PRÓXIMA EXPEDIÇÃO

Sobre

A maior e mais famosa montanha do planeta dispensa apresentações. Pelo lado tibetano (norte) ela é chamada Chomolungma e pelo sul ele é chamado Sagarmatha. Conhecemos o Everest por esse nome devido à George Everest que em 1850 descobriu que esta se tratava na verdade da maior montanha da terra.

O gigante com 8848m exige que aventureiros e aventureiras disponham de pelo menos 8 semanas para alcançar o seu cume. A época para isso é um tanto restrita e oscila entre 10 e 22 de maio todos os anos. O motivo para isso é a monção de inverno que nessa época faz com com fortes colunas de vento – que normalmente sopram no cume do Everest durante o ano todo – sejam empurradas ao norte. A ausência desses fortes ventos chamados Jetstreams, permite que seu cume seja alcançado com relativa segurança.

Itinerário

Monte Everest 8848m – Lado Sul – Nepal

08/04/2019 até 29/05/2019 – 55 dias
Kathmandu – Lukla – Namche – Lobuche East – Everest

Dia 1 – Chegada do Brasil – 900m

Dia 2 – Dia em Kathmandu – 900m

Dia 3 – Reunião e logística em Kathmandu – 900m

Dia 4 – Vôo Kathmandu – Lukla – Phakding – 2600m

Dia 5 – Phakding – Namche Bazar – 3450m

Dia 6 – Aclimatação em Namche Bazar – 3450m

Dia 7 – Namche Bazar – Tengboche – 3900m

Dia 8 – Tengboche – Dengboche – 4350m

Dia 9 – Descanso em Dengboche – 4350m

Dia 10 – Dengboche – Lobuche – 4950m

Dia 11 – Lobuche – EBC – Gorek Shep – 5160m

Dia 12 – Gorek Shep – Kala Pattar – Dzongla – 4830m

Dia 13 – Dzongla – Acampamento Alto do Lobuche – 5200m

Dia 14 – Cume no Lobuche East – 6119m

Dia 15 – Lobuche – Acampamento base do Everest – 5340m

Dia 16 ao 49 – Escalada ao Everest 

Dia 50 – Acampamento base do Everest – Pheriche – 4400m

Dia 51 – Pheriche – Namche Bazar – 3440m

Dia 52 – Namche Bazar – Lukla – 2850m

Dia 53 – Vôo Lukla – Kathmandu – 1300m

Dia 54 – Dia em Kathmandu – 1300m

Dia 55 – Vôo ao Brasil – 800m

** O itinerário disponível aqui está sujeito à mudanças devido à condições climáticas, performance do grupo ou mudanças políticas/administrativas do local em questão.

Equipamentos

Todos os clientes GentedeMontanha.com tem desconto de 10% à vista na Loja Alta Montanha. Trata-se da loja virtual com mais variedade de equipamentos de montanha no Brasil. O desconto só é validado para clientes ou ex-clientes do GentedeMontanha.com. O desconto aparece automaticamente quando o cadastro for feito usando o mesmo email que nós temos no seu cadastro. Caso seu desconto não apareça por favor informe o nosso atendimento.

O equipamento é uma das partes essenciais para o sucesso de uma expedição. Siga esta lista rigorosamente e nos informe qualquer dúvida. O equipamento será checado pelo guia logo após a sua chegada. Veja a lista por partes:

Cabeça
  • Bandana

    Buff, bandana ou similar é um lenço cilíndrico que permite vários tipos de uso

    Quantidade: 1 + a incluída
    Comprar
  • Balaclava

    A balaclava protegerá seu rosto no dia de cume

    Quantidade: 1
    Comprar
  • Boné ou chapéu

    Um boné ou chapéu para proteger do sol

    Quantidade: 1
    Comprar
  • Gorro

    Gorro de lã ou polartec é muito útil nos dias frios

    Quantidade: 1
    Comprar
  • Lanterna de Cabeça

    Lanterna de LED ou foco, à pilhas. Preferencia para lanternas com mais de 120 lumens.

    Quantidade: 2
    Comprar
  • Pilhas

    AA ou AAA dependendo de sua lanterna. Considere levar um jogo de pilhas de lithium para o dia de cume.

    Quantidade: 4 trocas
    Comprar
  • Viseira de Ski

    Viseira com proteção UV categoria 3 ou 4 vai ajudar muito no dia de cume caso tenhamos uma tempestade ou houver vento branco.

    Quantidade: 1
    Comprar
  • Protetor labial e solar

    Precisamos um protetor de pelo menos FPS 30. Pode ser comprado em qualquer farmácia local.

    Quantidade: 1
Tronco
Mãos
  • Aquecedor Químico

    Estes são aquecedores químicos que à vista lembram um saco de chá. Eles contém um pó químico que aquece em contato com o oxigênio. Usamos um dentro de cada mitom para aquecer as mãos no dia do cume.

    Quantidade: 10
    Comprar
  • Luvas de segunda camada

    Luvas leves de fleece ou polartec para dias frios ou com vento

    Quantidade: 1 par
    Comprar
  • Mitons

    Espaçosos mitons de pluma ou fibra sintética para serem usadas no dia do cume.

    Quantidade: 1 par
    Comprar
  • Luvas impermeáveis

    Um par de luvas impermeáveis para serem usadas sozinhas sem outra luva por baixo

    Quantidade: 1 par
    Comprar
Pernas
Pés
  • Bota de caminhada

    Botas de caminhada de qualidade e em bom estado. Devem ser à prova d’água e de preferência, já amaciadas.

    Para ver botas unisex clique em “Comprar”. Para ver opções de botas femininas, clique aqui.

    Leia artigo que explica como comprar uma bota de trekking.

    Quantidade: 1 par
    Comprar
  • Botas duplas ou simples

    Botas plásticas como Koflach Exped, Koflach Vertical, Asolo Ottomilla, Asolo AFS, Trezetta, Scarpa Vega, Scarpa Inferno. Botas não plásticas como a La Sportiva Baruntse, Olympus Mons ou Spantik. Botas de couro ou de parede simples como La Sportiva Nepal XT, EVO, Batura ou Boreal Latok.

    Todos os modelos acima podem ser usados.

    Por gentileza nos informar quando calçar fora do padrão (maior que nº45/ menor que nº 34)

    Quantidade: OPCIONAL (para acampamentos mais baixos)
  • Crocs ou chinelo

    Par de crocs, chinelos ou sandálias para descansar os pés enquanto estamos na base.

    Quantidade: 1 par
    Comprar
  • Compeed para bolhas

    É um tipo de “pele artificial” para cobrir a pele em caso de bolhas. É a maneira mais eficaz para o tratamento de bolhas

    Quantidade: 1
  • Meias de Trekking

    Há vários tipos de meias de trekking. Elas são muito importante para não dar bolhas nos pés.

    Leia o artigo no AltaMontanha e veja qual meia de trekking comprar.

    Quantidade: 6 a 7 pares
    Comprar
  • Botas Triplas

    Botas triplas como Olympus Mons da La Sportiva ou Millet Everest

    Quantidade: 1 par
  • Meias grossas de expedição

    Meias que só serão usadas no dia do cume.

    Quantidade: 4 pares
    Comprar
Diversos
  • Bastão de Trekking

    Ele dá mais estabilidade em terreno solto, em gelo duro ou mesmo em neve.

    Veja qual bastão de trekking comprar em artigo do AltaMontanha.

    Quantidade: 1 ou par
    Comprar
  • Comida Liofilizada

    Comida liofilizada ou desidratada para o ataque ao cume. Comidas da LioFoods ou similares funcionam muito bem.

    Veja este artigo como funciona e como são feitos os liofilizados.

    Quantidade: 5 pacotes
    Comprar
  • Saco de dormir

    Em montanhas de altitude preferimos os sacos de pluma de ganso. Saiba mais sobre plumas de ganso

    Leia artigo sobre saco de dormir e aprenda como escolher um saco de dormir para comprar.

    Quantidade: de -20C (utilizamos 2 sacos de dormir)
    Comprar
  • Saco de dormir

    Em montanhas de altitude preferimos os sacos de pluma de ganso. Saiba mais sobre plumas de ganso

    Leia artigo sobre saco de dormir e aprenda como escolher um saco de dormir para comprar.

    Quantidade: de -25C (utilizamos 2 sacos de dormir)
    Comprar
  • Snacks

    Salgadinhos, doces, etc. Comida pronta para complementar os dias da expedição. Em montanhas de altitude não se preocupe com as vitaminas ou proteínas já que é tão difícil digerir esse tipo de comida. Toda essa comida pode ser comprada num mercado local.

    Quantidade: 5 kg
  • Mochila

    Veja qual se adapta à sua expedição.

    Leia este artigo e saiba como escolher uma mochila de montanhismo.

    Quantidade: 60 litros
    Comprar
  • Medicamentos para altitude

    Os guias do GentedeMontanha.com já contam com complexos kits de primeiros socorros, no entanto seria ótimo que cada um conte as drogas mais básicas durante a expedição.

    Em montanhas de altitude precisamos que você tenha além de qualquer medicamento pessoal, uma cartela dos seguintes medicamentos:

    Ibuprofeno – É o único anti-inflamatório capaz de combater a dor de cabeça de altitude
    Loperamida – controle de diarréia

    Leia mais aqui sobre medicamentos

    Quantidade: kit
  • Duffel Bag

    Saco do tipo “marinheiro”. Este deve ser resistente e impermeável. Recomendamos 90 a 120L. Usamos este saco para transportar seu equipamento. Se seu equipamento é transportado em animais de carga ou veículos, pode sofrer algum tipo de dano ou molhar.

    Leia este artigo e veja para que serve um duffel bag.

    Quantidade: 2 duffels de 120 litros
    Comprar
  • Gel de carboidrato

    Gel para ajudar a grande perda de energia no final da expedição

    Quantidade: 15
    Comprar
  • Garrafa para água

    Garrafas de um polímero duro e boca larga. Existem os camelbacks mas dependendo da altitude o cano congela e tem que ter cuidado para o manuseio, para não deixar vazar. Mas são ótimo para hidratação sem precisar parar.

    Quantidade: 3 litros
    Comprar
  • Garrafa Térmica

    Garrafa metálica de 1 litro. Principalmente para o dia do cume.

    Quantidade: 1 litro
    Comprar
  • Kit higiene pessoal

    Sabão, escova de dentes, pente, toalha, etc

    Quantidade: 1
  • Saco estanque

    Ajuda a manter suas coisas organizadas e secas. Não opte por sacos de lixo, eles rasgam muito facilmente. Estes sacos serão utilizados para embalar todas as roupas e utensílios que irão na mochila.

    Quantidade: 4
    Comprar
  • Isolante térmico

    Em Montanhas de Altitude utilizar 2 isolantes térmicos para seu conforto e segurança. Se o seu isolante for inflável, será obrigatório você ter um isolante de espuma (EVA) para diminuir a chance que este fure

    Quantidade: 2 grossos
    Comprar
Técnicos
  • Capacete de escalada

    Capacete de escalada.

    Quantidade: 1
    Comprar
  • Crampons

    Crampons devem ser de aço.

    Quantidade: 1 par (que caiba na bota tripla)
    Comprar
  • Piolet de travessia

    Um piolet longo de travessia para o dia do cume.

    Veja para que serve e como funcionam os piolets no artigo do AltaMontanha.

    Quantidade: 1
    Comprar
  • Ascensor

    Ascensor esquerdo para destros e ascensor direito para canhotos (usamos a melhor mão com a piqueta de gelo)

    Quantidade: 1
  • Cadeirinha

    Cadeirinha leve e com perneiras reguláveis

    Quantidade: 1
    Comprar
  • Cordelete

    Cordelete para unir o equipamento técnico

    Quantidade: 6 metros
    Comprar
  • Mosquetões com rosca

    Quantidade: 5
    Comprar
  • Mosquetões sem rosca

    Quantidade: 4
    Comprar
  • Kit oxigênio

    Sugerimos os seguintes kits:

    • TOPOUT – Pode ser adquirido em Kathmandu – precisamos de 2 semanas de aviso prévio
    • Summit Oxygen – Precisa ser pedido com 45 dias de antecedência

    Os seguintes ítems devem estar presentes no seu kit:

    • 5 cilindros
    • máscara + cânula
    • regulador
    • kit de reparo

    Quantidade: KIT INCLUÍDO

Perguntas frequentes

Maximo Kausch

Fundador e guia de expedições

Maximo Kausch nasceu na Argentina e se mudou para o Brasil ainda quando era criança. Ele escala há 15 anos e se especializou em montanhas de altitude. Durante suas expedições, Maximo conheceu algumas das mais remotas escaladas do planeta e visitou mais de 25 países.

Recentemente Maximo se tornou o recordista mundial de montanhas de altitude ao conquistar o cume de 85 montanhas com mais de 6000 metros de altitude nos Andes. Por isso Maximo Kausch foi escolhido o Aventureiro do Ano em 2013. Ele é um dos alpinistas com mais experiência no mundo.

Maximo é atualmente o guia de montanha mais experiente do Brasil. Ele já liderou 11 expedições em montanhas com mais de 8000 metros, as maiores do planeta, e algumas dezenas de expedições de montanhas com mais de 6000 metros de altitude.

Trata-se de uma pessoa extremamente calma, mesmo diante de situações de emergência nas quais muitos perderiam a calma. Em suas expedições ele sempre está focando em um bom plano de aclimatação brindando assim muita segurança. Ele literalmente passa a maior parte do tempo em grandes altitude guiando montanhas no Himalaia e Andes. Como guia ele trabalha para a empresa americana SummitClimb.com.

No seu tempo livre Maximo escala rocha e pratica escalada mista em montanhas remotas. Ele conta com pelo menos 85 ascensões nos Andes e várias outras nos Alpes, Pamires e Himalaia. Em 2012 Maximo iniciou um projeto inédito e escalou sozinho 30 montanhas com mais de 6000 metros totalmente sozinho.

Maximo gosta muito de escrever e é um dos maiores contribuidores do portal AltaMontanha.com. Além de seus artigos, Maximo contribui muito para o montanhismo, disponibilizando todas as rotas de montanhas que escala em forma de mapas virtuais para GPS no site Rumos.net.br.

Ele é treinado em primeiros socorros em áreas remotas (WFR) e já participou de mais de 10 resgates em grandes altitudes. Esse possui grande experiência em medicina de montanha e já realizou diversos procedimentos clínicos em grandes altitudes. Maximo tem diversos artigos relacionados à altitude como: fisiologia, drogas, problemas oculares, odontologia, espectro bacteriano e muito mais…

Além disso ele tem uma grande experiência em logística e recursos humanos em montanhas. Ele já conduziu expedições com até 15 trabalhadores e 5 toneladas de equipamentos, colocando centenas de clientes no cume de diversas montanhas.

Premiações

Recorde Mundial: Recentemente Maximo se tornou o recordista mundial de montanhas de altitude ao conquistar o cume de 70 montanhas com mais de 6000 metros de altitude nos Andes.

Mosquetão de Ouro 2015: Pedro Hauck e Maximo Kausch, que moram em Curitiba PR, levaram o prêmio por terem finalizado em 2014 a escalada de todas as montanhas acima de 6 mil metros na Bolívia.

Aventureiro do ano em 2013: Maximo recebeu o prêmio de aventureiro do ano em 2013 pela revista Go Outside pelo seu inusitado projeto de escalada à todas as montanhas com mais de 6000m.

Destaque do ano de 2013: A conceituada revista Blog de Escalada elegeu Maximo Kausch como destaque de 2013 devido à quantidade de escaladas que o alpinista realizou em 2013.

Projeto de destaque em 2014: A Mount Everest Foundation escolheu o projeto de Maximo Kausch e financiou a etapa de exploração de montanhas virgens com mais de 5000 metros de altitude.

Destaque do ano de 2015:  O site Blog de Escalada, um dos principais meios de comunicação do outdoor brasileiro, elegeu Maximo Kausch como o maior destaque no cenário do montanhismo de altitude. LEIA MAIS

Mais sobre Maximo Kausch

Perfil de Maximo no Wikipedia (português)

Perfil de Maximo no Wikipedia (inglês)

Colunista da Go Outside

FanPage no Facebook

Página de Instagram

Coluna no Blog da SPOT Brasil

Coluna na Makalu Outdoors

Perfil na SummitClimb.com

Algumas rotas de GPS publicadas no Wikiloc

Pedro Hauck

Fundador, guia de expedições e instrutor de rocha

Atleta apoiado pelas seguintes marcas:

thulehard

Pedro Hauck é geógrafo, mestre em Geografia Física, doutorando em geologia e montanhista há 18 anos. Ele já ministrou diversos cursos de escalada para o Ginásio 90 Graus de São Paulo e para o CPM (Curitiba-PR), além de cursos personalizados, ensinando centenas de pessoas a escalar. Pedro é hoje um dos alpinistas mais experientes do país. Só nos Andes ele conta com pelo menos 50 expedições e 46 cumes com mais de 6000 metros de altitude.

Ele é colunista e editor do Site AltaMontanha.com, um dos principais meio de comunicação do montanhismo em língua portuguesa, sendo um dos montanhistas que mais colaborou com a divulgou de conhecimento do montanhismo.

Participou voluntariamente da organização do montanhismo brasileiro. Tendo atuado como diretor de escalada do Clube Paranaense de Montanhismo, assim como da Federação Paranaense de Montanhismo e Confederação Brasileira de Montanhismo e Escalada.

Já participou de uma dezena de expedições à montanhas andinas, tendo alcançado cume em cerca de 85 montanhas de altitude. Em setembro de 2014 Pedro concluiu a escalada de todas as montanhas com mais de 6000 metros de altitude na Bolívia. Trata-se de 14 montanhas, muitas delas técnicas. Pedro concluiu o projeto sem apoio e sem ajuda de terceiros. Trata-se de um dos alpinistas de altitude mais experientes do país. Em pelo menos uma dezenas de cumes, Pedro foi o primeiro brasileiro a alcançá-los. Atualmente ele tem 46 montanhas acima de 6 mil metros no curriculum.

Ele possui ampla experiência em escalada em rocha no Brasil, já tendo escalado em diversos Estados, desde o Rio Grande do Sul até o Nordeste.

Premiações

Mosquetão de Ouro 2017: Em 2016, o montanhista Pedro Hauck liderou a expedição à montanha mais alta dos Andes ainda inédita a brasileiros, o Cerro Bonete Chico (6759m) e com ela também se tornou o primeiro brasileiro a escalar as 5 montanhas mais altas dos Andes. Em 2016 ele alcançou o cume de pelo menos 7 montanhas nunca escaladas por brasileiros e acumulou 20 ascensões a montanhas nos Andes. Com estas montanhas, Pedro chegou a 85 cumes em montanhas andinas, destas 46 montanhas diferentes acimas de 6 mil metros. A maior parte destas expedições foram feitas com recursos próprios, de maneira autônoma e independente.

Mosquetão de Ouro 2015: Pedro Hauck e Maximo Kausch, que moram em Curitiba PR, levaram o prêmio por terem finalizado em 2014 a escalada de todas as montanhas acima de 6 mil metros na Bolívia.

Projeto de destaque em 2014: A Mount Everest Foundation escolheu o projeto de Maximo Kausch e financiou a etapa de exploração de montanhas virgens com mais de 5000 metros de altitude.

Mais sobre Pedro Hauck

Página de Wikipedia do Pedro Hauck

Fanpage no Facebook

Página de Instagram

Site Pessoal

Coluna no site da Go Outside

Curriculum de montanha de Pedro Hauck

Mapa

Custo

O custo total da expedição é de U$ 32.550, entre em contato para detalhes sobre formas de pagamento.

*valor pode variar de acordo com o número de participantes

O que está incluído:

  • Liderança de Maximo Kausch e Pedro Hauck, os guias de montanha com mais experiência do Brasil na atualidade;
  • 1 climbing sherpa por pessoa até o cume;
  • 5 garrafas de oxigênio de 4 litros para uso na expedição;
  • Máscara e regulador TopOut;
  • Barraca individual no acampamento base;
  • Barracas, cordas, estacas e todo o equipamento de grupo;
  • Carregadores de altitude para o equipamento de grupo;
  • 1 rádio para cada cliente da expedição;
  • Caminhões, jipes, yakes e staff da expedição;
  • Ajuda para compra ou aluguel de equipamentos em Kathmandu;
  • Desconto de 10% na Loja Alta Montanha;
  • Transporte do aeroporto para o hotel e vice-versa;
  • Licenças, impostos e permissões burocráticas para a ascensão do Everest;
  • 5 noites em hotel 3 estrelas com café da manhã em Kathmandu;
  • Noites em pousadas/hostels com quartos básicos durante todo o trekking;
  • Uso de qualquer equipamento de emergência como oxigênio, remédios e qualquer instalação médica disposta pela expedição;
  • Café da manhã, almoço (ou lanche) e janta em toda a expedição (detalhes no itinerário).

O que não está incluído:

  • Passagem aérea desde o Brasil;
  • Gorjetas para staff (confira no Perguntas Frequentes);
  • Equipamentos pessoais;
  • Vistos necessários e passaporte (responsabilidade de cada participante);
  • Devolução de dinheiro em caso de abandono;
  • Seguro de viagem;
  • Custos de excesso de peso para cargas;
  • Almoços e jantas em Kathmandu;
  • Reembolso em caso de perca de equipamento por roubo ou fenômenos climáticos.

Opcionais

Requisitos

Os requisitos para que você possa participar desta expedição são:

  • Seguro de resgate obrigatório – Contrate a GLOBAL RESCUE aqui – Saiba como funciona;
  • Experiência em pelo menos 1 CUME com mais de 6500 metros de altitude (obrigatório);
  • Experiência em pelo menos 2 CUMES com mais de 6000 metros de altitude – Montanhas técnicas AD+ ou D (obrigatório);
  • Preencher a ficha médica e ter ela aprovada pelo guia;
  • Passaporte válido por pelo menos 6 meses após a data da expedição com pelo menos 1 página em branco;
  • Atestado médico de boa saúde física;
  • Um excelente treinamento cárdio-vascular;
  • Turma mínima de 4 aventureiros;
  • Ler todas as informações disponíveis no website.
Dificuldade do trekking: Exigente

_

Experiência em Altitude: Múltiplas montanhas de 6000m

_

Dificuldade técnica: Técnicas complexas

_

Preparação Cárdio-vascular: Excelente

_

Roteiros sugeridos antes de Cume do Everest com Maximo Kausch e Pedro Hauck

Parcerias

×
Fale por Whatsapp!