Vulcão Tupungato

Mais informações ao meu e-mail

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Copiar amigos (separar emails por vírgula)

Aceito receber notícias de futuras expedições, cursos ou viagens

Sobre

Vulcão Tupungato – 14 dias – U$ 2950 (desconto especial)

Data – 04/12/2017 a 17/12/2017 

O Vulcão Tupungato é um estratovulcão localizado nos Andes Centrais na fronteira entre a Argentina e Chile. Já esteve na lista das 10 mais altas dos Andes, porém com a evolução dos métodos de medição de altitude descobriu-se que o Tupungato tem 6570 metros, que a faz ser a décima quarta mais alta da cordilheira. Apesar de não ser muito famosa, ela chama atenção de quem cruza a Ruta 7, estrada que une Mendoza na Argentina à Santiago do Chile, por ser de grande proeminência e dominar a paisagem.

Considerado um vulcão adormecido, ou seja, com baixa atividade, o Tupungato não entra em erupção há mais de 10 mil anos. Ao contrário de seu vizinho Tupungatito, também chamado de vulcão Bravard, que mesmo sendo muito menor é bem mais ativo. Este vulcão estava em erupção quando Darwin esteve no Chile no século XIX e isso gerou uma grande confusão, pois o famoso naturalista inglês a confundiu com o Aconcágua e até pouco tempo atrás algumas pessoas achavam que a famosa montanha era um vulcão, o que não é verdade. Muito ativo o Tupungatito entrou em erupção na ultima vez em 1986.

Escalar o Tupungato é um desafio pouco técnico, mas muito exigente fisicamente. A caminhada começa a 1800 metros de altitude, ou seja, ascender esta montanha exige uma ascensão 4770 metros, tudo isso em 37 quilômetros de caminhadas! Para vencer este desafio é necessário ter alguma experiência em montanhas de altitude e bastante preparo físico.

A escalada do Tupungato é recomendado a pessoas que queiram ter uma experiência diferenciada no montanhismo andino em uma montanha selvagem, pouquíssimo frequentada e sem estruturas.

Os requisitos para que você possa participar desta expedição são:

  • Seguro de resgate obrigatório – Contrate a GLOBAL RESCUE aqui – Saiba como funciona;
  • Atestado médico de boa saúde física;
  • Experiência em pelo menos uma montanha de altitude, de preferência 6000;
  • Experiência carregando mochilas cargueiras;
  • Caprichar no treinamento cárdio-vascular;
  • Vontade de se divertir;
  • Assinar a ficha médica e de inscrição;
  • Ler todas as informações disponíveis no website.

Itinerário

Vulcão Tupungato – 14 dias

Dia 1 – Chegada em Santiago – 700m
Vamos pegar você no aeroporto e no mesmo dia checaremos o equipamento, também faremos os últimos ajustes e compras. Hoje vamos jantar todos juntos e conhecer o resto do time. Incluído: hotel, transporte e permissões.

Dia 2 – Santiago – Cajon Del Maipo – Agua Buena – 2650m
Sairemos de Santiago após o café da manhã. Passaremos por San José de Maipo para fazer os tramites com a Polícia e na sequência tomaremos o Caminho a Alfafal onde encontraremos os arrieros que conduzem as mulas. Deixaremos a carga para as mulas e alguns quilômetros acima começa a trilha. Deste ponto, aproximadamente 2.100m, caminhamos cerca de 6h, cruzamos o rio Azufre e chegaremos ao primeiro acampamento, Agua Buena a 2.650m.
Incluído: transporte, permissões, lanche e jantar

Dia 3 – Água Buena – Acampamento 2 – 3300m
Seguimos por aproximadamente mais 6h de caminhada até acampamento 2, onde atingiremos 3.300m. Incluído: café da manhã, lanche e jantar

Dia 4 – Acampamento 2 – acampamento 3 – 3800m
Seguimos em direção norte margeando o rio Colorado e o Cordón Del Bizcocho até um vale à leste, onde remontamos os 3.600m. Mais 1h30min de caminhada e chegamos ao acampamento 3 a 3.800m. Incluído: café da manhã, lanche e jantar

Dia 5 – Acampamento 3 – Acampamento 4 – 4100m
Subimos aos 4.100m onde faremos nosso primeiro acampamento de altitude. Armaremos as barracas e descansaremos. Incluído: café da manhã, lanche e jantar

Dia 6 – Aclimatação – 4100m
Transportaremos comida e equipamento de altitude até 5.200m. Voltaremos ao acampamento 4 para dormir. Incluído: café da manhã, lanche e jantar

Dia 7 – Acampamento 4 – Acampamento 5 – 5200m
Subiremos com o restante do equipamento e nos instalamos no acampamento 5 de 5.200m. Incluído: café da manhã, lanche e jantar

Dia 8 – Dia de descanso – 5200m
Incluído: café da manhã, lanche e jantar

Dia 9 – Acampamento 5 – Acampamento 6 – 5800m
Levantaremos acampamento por volta das 11h30min e subiremos mais 600m, atingindo os 5.800m e o último acampamento de altitude, chamado “Campo Argentinos”. Incluído: café da manhã, lanche e jantar

Dia 10 – Cume – 6570m
Sairemos as 5h30min em direção ao cume. Por volta das 8hs devemos estar superando a parte mais técnica da expedição, uma parede de aproximadamente 30 metros de gelo ela tem 25 graus de inclinação. É uma escalada fácil, mas, aos 6.100m tem sua dificuldade incrementada pela falta de oxigênio e o cansaço. Os guias escalam e colocam uma corda para dar segurança aos demais. Superado esse trecho, teremos apenas mais 4h de caminhada até o cume de 6.565m. Voltaremos ao acampamento de 5.800m no fim da tarde. Incluído: café da manhã e jantar

Dia 11 – Retorno à base – 3300m
Iremos descer ao acampamento 2, já aos 3.300m onde encontraremos os arrieros e poderemos descansar e comer melhor. Incluído: café da manhã, lanche e jantar

Dia 12 – Retorno ao acampamento 1 – 2650m
Cruzaremos o rio Azufre e baixaremos ao acampamento 1 a 2.650m. Incluído: café da manhã, lanche e jantar

Dia 13 – Retorno à Santiago
Encontramos com nosso transporte e voltaremos ao hotel em Santiago/Chile. Incluído: Café da manhã, lanche, transporte e hotel

Dia 14 – Dia extra para mau tempo ou aclimatação

** O itinerário disponível aqui está sujeito à mudanças devido à condições climáticas, performance do grupo ou mudanças políticas/administrativas do local em questão.

Equipamentos

Todos os clientes GentedeMontanha.com tem desconto de 10% à vista na Loja Alta Montanha. Trata-se da loja virtual com mais variedade de equipamentos de montanha no Brasil. O desconto só é validado para clientes ou ex-clientes do GentedeMontanha.com. O desconto aparece automaticamente quando o cadastro for feito usando o mesmo email que nós temos no seu cadastro. Caso seu desconto não apareça por favor informe o nosso atendimento. Se você é um cliente novo, o seu desconto será validado à partir do início do pagamento.

O equipamento é uma das partes essenciais para o sucesso de uma expedição. Siga esta lista rigorosamente e nos informe qualquer dúvida. O equipamento será checado pelo guia logo após a sua chegada. Veja a lista por partes:

Cabeça
  • Bandana

    Buff, bandana ou similar é um lenço cilíndrico que permite vários tipos de uso

    Quantidade: 1 + a Incluída
    Comprar
  • Balaclava

    A balaclava protegerá seu rosto no dia de cume

    Quantidade: 1
    Comprar
  • Gorro

    Gorro de lã ou polartec é muito útil nos dias frios

    Quantidade: 1
    Comprar
  • Óculos para montanha

    Categoria 3 ou 4 – com proteção lateral ou que cubra todo o rosto.

    Aprenda a escolher um óculos de montanha para comprar.

    Quantidade: 1
    Comprar
  • Protetor labial e solar

    Precisamos um protetor de pelo menos FPS 30. Pode ser comprado em qualquer farmácia local.

    Quantidade: 1
  • Lanterna de Cabeça

    Lanterna de LED ou foco, à pilhas. Preferencia para lanternas com mais de 120 lumens.

    Quantidade: 1
    Comprar
  • Pilhas

    AA ou AAA dependendo de sua lanterna. Considere levar um jogo de pilhas de lithium para o dia de cume.

    Quantidade: 2 trocas
    Comprar
  • Viseira de Ski

    Viseira com proteção UV categoria 3 ou 4 vai ajudar muito no dia de cume caso tenhamos uma tempestade ou houver vento branco.

    Quantidade: OPCIONAL
    Comprar
Tronco
Mãos
  • Aquecedor Químico

    Estes são aquecedores químicos que à vista lembram um saco de chá. Eles contém um pó químico que aquece em contato com o oxigênio. Usamos um dentro de cada mitom para aquecer as mãos no dia do cume.

    Quantidade: 2
    Comprar
  • Mitons

    Espaçosos mitons de pluma ou fibra sintética para serem usadas no dia do cume.

    Quantidade: 1 par
    Comprar
  • Luvas de segunda camada

    Luvas leves de fleece ou polartec para dias frios ou com vento

    Quantidade: 1 par
    Comprar
Pernas
Pés
  • Bota de caminhada

    Botas de caminhada de qualidade e em bom estado. Devem ser à prova d’água e de preferência, já amaciadas.

    Para ver botas unisex clique em “Comprar”. Para ver opções de botas femininas, clique aqui.

    Leia artigo que explica como comprar uma bota de trekking.

    Quantidade: 1 par
    Comprar
  • Botas Duplas

    Um par de botas plásticas como Koflach Exped, Koflach Vertical, Asolo Ottomilla, Asolo AFS, Trezetta, Scarpa Vega, Scarpa Inferno ou não plásticas como a La Sportiva Baruntse, Olympus Mons ou Spantik.

    Botas de couro ou de parede simples como La Sportiva Nepal XT, EVO, Batura ou Boreal Latok, NÃO SÃO ADEQUADAS para a cota de 6000 metros de altitude por serem muito frias. Consulte sobre o seu modelo específico de botas para confirmar a performance a 6000 metros.

    Saiba mais sobre botas duplas para alta montanha neste link.

    Por gentileza nos informar quando calçar fora do padrão (maior que nº45/ menor que nº 34)

    Quantidade: 1 par
    Comprar
  • Meias de Trekking

    Há vários tipos de meias de trekking. Elas são muito importante para não dar bolhas nos pés.

    Leia o artigo no AltaMontanha e veja qual meia de trekking comprar.

    Quantidade: 5
    Comprar
  • Meias grossas de expedição

    Meias que só serão usadas no dia do cume.

    Quantidade: 1
    Comprar
  • Botas duplas ou simples

    Botas plásticas como Koflach Exped, Koflach Vertical, Asolo Ottomilla, Asolo AFS, Trezetta, Scarpa Vega, Scarpa Inferno. Botas não plásticas como a La Sportiva Baruntse, Olympus Mons ou Spantik. Botas de couro ou de parede simples como La Sportiva Nepal XT, EVO, Batura ou Boreal Latok.

    Todos os modelos acima podem ser usados.

    Por gentileza nos informar quando calçar fora do padrão (maior que nº45/ menor que nº 34)

    Quantidade: papetes ou sandálias para atravessar rios
  • Meias de Trekking

    Há vários tipos de meias de trekking. Elas são muito importante para não dar bolhas nos pés.

    Leia o artigo no AltaMontanha e veja qual meia de trekking comprar.

    Quantidade: 4 ou 5 pares
    Comprar
  • Meias grossas de expedição

    Meias que só serão usadas no dia do cume.

    Quantidade: 1 par
    Comprar
Diversos
  • Bastão de Trekking

    Ele dá mais estabilidade em terreno solto, em gelo duro ou mesmo em neve.

    Veja qual bastão de trekking comprar em artigo do AltaMontanha.

    Quantidade: 1 Ou par
    Comprar
  • Cadeado

    Para fechar a mala durante o transporte

    Quantidade: 1
    Comprar
  • Comida Liofilizada

    Comida liofilizada ou desidratada para o ataque ao cume. Comidas da LioFoods ou similares funcionam muito bem.

    Veja este artigo como funciona e como são feitos os liofilizados.

    Quantidade: 2 pacotes
    Comprar
  • Gel de carboidrato

    Gel para ajudar a grande perda de energia no final da expedição

    Quantidade: 3
    Comprar
  • Duffel Bag

    Saco do tipo “marinheiro”. Este deve ser resistente e impermeável. Recomendamos 90 a 120L. Usamos este saco para transportar seu equipamento. Se seu equipamento é transportado em animais de carga ou veículos, pode sofrer algum tipo de dano ou molhar.

    Leia este artigo e veja para que serve um duffel bag.

    Quantidade: 1
    Comprar
  • Garrafa Térmica

    Garrafa metálica de 1 litro. Principalmente para o dia do cume.

    Quantidade: 1 litro
    Comprar
  • Isolante térmico

    Em Montanhas de Altitude utilizar 2 isolantes térmicos para seu conforto e segurança. Se o seu isolante for inflável, será obrigatório você ter um isolante de espuma (EVA) para diminuir a chance que este fure

    Quantidade: 1 é suficiente e 2 aumenta o conforto
    Comprar
  • Kit higiene pessoal

    Sabão, escova de dentes, pente, toalha, etc

    Quantidade: 1
  • Medicamentos para altitude

    Os guias do GentedeMontanha.com já contam com complexos kits de primeiros socorros, no entanto seria ótimo que cada um conte as drogas mais básicas durante a expedição.

    Em montanhas de altitude precisamos que você tenha além de qualquer medicamento pessoal, uma cartela dos seguintes medicamentos:

    Ibuprofeno – É o único anti-inflamatório capaz de combater a dor de cabeça de altitude
    Loperamida – controle de diarréia

    Leia mais aqui sobre medicamentos

    Quantidade: Kit
  • Mochila

    Veja qual se adapta à sua expedição.

    Leia este artigo e saiba como escolher uma mochila de montanhismo.

    Quantidade: Mínimo 60 litros
    Comprar
  • Saco de dormir

    Em montanhas de altitude preferimos os sacos de pluma de ganso. Saiba mais sobre plumas de ganso

    Leia artigo sobre saco de dormir e aprenda como escolher um saco de dormir para comprar.

    Quantidade: de -20C (temperatura de conforto)
    Comprar
  • Saco estanque

    Ajuda a manter suas coisas organizadas e secas. Não opte por sacos de lixo, eles rasgam muito facilmente. Estes sacos serão utilizados para embalar todas as roupas e utensílios que irão na mochila.

    Quantidade: 2 grandes (para deixar cargas nos acampamentos de altitude)
    Comprar
  • Snacks

    Salgadinhos, doces, etc. Comida pronta para complementar os dias da expedição. Em montanhas de altitude não se preocupe com as vitaminas ou proteínas já que é tão difícil digerir esse tipo de comida. Toda essa comida pode ser comprada num mercado local.

    Quantidade: 500gr
Técnicos

Perguntas frequentes

Veja algumas imagens de Eduardo Tonetti:
Veja alguns links sobre Eduardo Tonetti:

Eduardo Tonetti

Guia de Expedições

Eduardo Tonetti é natural de São Paulo e foi publicitário por 15 anos. Ele viveu no Brasil até 2010 quando decidiu largar tudo e viver da montanha. Edu cursou e se formou na escola de guias EPGAMT de Mendoza. Hoje ele é um dos poucos guias profissionais de montanha no Brasil.

Edu Tonetti é montanhista há 12 anos e tem grande experiência em escalada em rocha, gelo e alta montanha. Ele se especializou nos Andes Centrais e escalou dezenas de montanhas na região. Seu currículo conta com travessias nos Andes Centrais como a da Argentina ao Chile até escaladas em gelo, pois ele participa há 5 anos do Ice Climbing Festival em Vallecitos. Além disso ele já escalou  grandes montanhas como: Aconcágua (6962m), Ojos del Salado (6898m), Tres Cruces Sur (6738m), Tres Cruces Central (6640m), Mercedário (6770m), Vulcão Tupungato (6556m), Aconcagua (6962m) e Cerro Plata (5943m), Vicuñas (6087m), entre outros.

Em 2013 ele se formou na Escuela Preparatoria de Guias de Alta Montaña e atualmente vive em Mendoza na Argentina. Eduardo já trabalhou com desenvolvimento humano em São Paulo e na Argentina ele trabalha assistindo expedições no Aconcágua há 3 anos, passando de 3 a 4 meses do ano na montanha. No seu tempo livre Edu vai sozinho à alta montanha onde o conhecimento técnico, concentração e o comprometimento são importantíssimos para manter-se vivo.

Mapa

Custo

O custo total da expedição é de U$ 2.950 (desconto especial) ou pagamento parcelado de U$ 3.390. Entre em contato para detalhes sobre formas de pagamento.

O que está incluído:

  • Liderança do brasileiro Eduardo Tonetti, guia EPGAMT;
  • 1 ou 2 assistentes de guia dependendo do número de pessoas;
  • Transporte do aeroporto para o hotel e vice-versa;
  • 2 noites em hotel 3 estrelas em Santiago – os quartos são compartilhados por cada 2 membros da expedição;
  • Transporte privado de Santiago para a base da montanha;
  • Uso de barracas para altitude em toda a montanha;
  • Todas as refeições fora de Santiago;
  • Mulas para transporte de carga até a base, até 20kg por pessoa;
  • Fogareiros e gás em todos os acampamentos de altitude;
  • Permissões burocráticas;

O que não está incluído:

  • Passagem aérea desde o Brasil;
  • Equipamentos pessoais de montanha (recomendamos comprar em Santiago do Chile);
  • Devolução de dinheiro em caso de abandono;
  • Custos relacionados à resgate ou abandono da expedição;
  • Seguro de viagem;
  • Almoços e jantas em Santiago;
  • Reembolso em caso de perca de equipamento por roubo ou fenômenos climáticos;

Opcionais

Hotel single em Santiago

Se você preferir, pode ficar em um quarto single no hotel em Santiago. Cada noite em um quarto single em custará 115 USD. O nosso hotel será o Hotel Neruda Express, de 3 estrelas que fica em Las Condes, Santiago.