Vulcão Tupungato

Enviar por e-mail

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Copiar amigos (separar emails por vírgula)

 Aceito receber notícias de futuras expedições, cursos ou viagens

Sobre

Vulcão Tupungato – 14 dias – U$ 2950

Data – 04/12/2017 a 17/12/2017 

O Vulcão Tupungato é um estratovulcão localizado nos Andes Centrais na fronteira entre a Argentina e Chile. Já esteve na lista das 10 mais altas dos Andes, porém com a evolução dos métodos de medição de altitude descobriu-se que o Tupungato tem 6570 metros, que a faz ser a décima quarta mais alta da cordilheira. Apesar de não ser muito famosa, ela chama atenção de quem cruza a Ruta 7, estrada que une Mendoza na Argentina à Santiago do Chile, por ser de grande proeminência e dominar a paisagem.

Considerado um vulcão adormecido, ou seja, com baixa atividade, o Tupungato não entra em erupção há mais de 10 mil anos. Ao contrário de seu vizinho Tupungatito, também chamado de vulcão Bravard, que mesmo sendo muito menor é bem mais ativo. Este vulcão estava em erupção quando Darwin esteve no Chile no século XIX e isso gerou uma grande confusão, pois o famoso naturalista inglês a confundiu com o Aconcágua e até pouco tempo atrás algumas pessoas achavam que a famosa montanha era um vulcão, o que não é verdade. Muito ativo o Tupungatito entrou em erupção na ultima vez em 1986.

Escalar o Tupungato é um desafio pouco técnico, mas muito exigente fisicamente. A caminhada começa a 1800 metros de altitude, ou seja, ascender esta montanha exige uma ascensão 4770 metros, tudo isso em 37 quilômetros de caminhadas! Para vencer este desafio é necessário ter alguma experiência em montanhas de altitude e bastante preparo físico.

A escalada do Tupungato é recomendado a pessoas que queiram ter uma experiência diferenciada no montanhismo andino em uma montanha selvagem, pouquíssimo frequentada e sem estruturas.

Os requisitos para que você possa participar desta expedição são:

  • Seguro de resgate obrigatório – Contrate a GLOBAL RESCUE aqui;
  • Atestado médico de boa saúde física;
  • Experiência em pelo menos uma montanha de altitude, de preferência 6000;
  • Experiência carregando mochilas cargueiras;
  • Caprichar no treinamento cárdio-vascular;
  • Vontade de se divertir;
  • Assinar a ficha médica e de inscrição;
  • Ler todas as informações disponíveis no website.

Itinerário

Vulcão Tupungato – 14 dias

Dia 1 – Chegada em Santiago – 700m
Vamos pegar você no aeroporto e no mesmo dia checaremos o equipamento, também faremos os últimos ajustes e compras. Hoje vamos jantar todos juntos e conhecer o resto do time. Incluído: hotel, transporte e permissões.

Dia 2 – Santiago – Cajon Del Maipo – Agua Buena – 2650m
Sairemos de Santiago após o café da manhã. Passaremos por San José de Maipo para fazer os tramites com a Polícia e na sequência tomaremos o Caminho a Alfafal onde encontraremos os arrieros que conduzem as mulas. Deixaremos a carga para as mulas e alguns quilômetros acima começa a trilha. Deste ponto, aproximadamente 2.100m, caminhamos cerca de 6h, cruzamos o rio Azufre e chegaremos ao primeiro acampamento, Agua Buena a 2.650m.
Incluído: transporte, permissões, lanche e jantar

Dia 3 – Água Buena – Acampamento 2 – 3300m
Seguimos por aproximadamente mais 6h de caminhada até acampamento 2, onde atingiremos 3.300m. Incluído: café da manhã, lanche e jantar

Dia 4 – Acampamento 2 – acampamento 3 – 3800m
Seguimos em direção norte margeando o rio Colorado e o Cordón Del Bizcocho até um vale à leste, onde remontamos os 3.600m. Mais 1h30min de caminhada e chegamos ao acampamento 3 a 3.800m. Incluído: café da manhã, lanche e jantar

Dia 5 – Acampamento 3 – Acampamento 4 – 4100m
Subimos aos 4.100m onde faremos nosso primeiro acampamento de altitude. Armaremos as barracas e descansaremos. Incluído: café da manhã, lanche e jantar

Dia 6 – Aclimatação – 4100m
Transportaremos comida e equipamento de altitude até 5.200m. Voltaremos ao acampamento 4 para dormir. Incluído: café da manhã, lanche e jantar

Dia 7 – Acampamento 4 – Acampamento 5 – 5200m
Subiremos com o restante do equipamento e nos instalamos no acampamento 5 de 5.200m. Incluído: café da manhã, lanche e jantar

Dia 8 – Dia de descanso – 5200m
Incluído: café da manhã, lanche e jantar

Dia 9 – Acampamento 5 – Acampamento 6 – 5800m
Levantaremos acampamento por volta das 11h30min e subiremos mais 600m, atingindo os 5.800m e o último acampamento de altitude, chamado “Campo Argentinos”. Incluído: café da manhã, lanche e jantar

Dia 10 – Cume – 6570m
Sairemos as 5h30min em direção ao cume. Por volta das 8hs devemos estar superando a parte mais técnica da expedição, uma parede de aproximadamente 30 metros de gelo ela tem 25 graus de inclinação. É uma escalada fácil, mas, aos 6.100m tem sua dificuldade incrementada pela falta de oxigênio e o cansaço. Os guias escalam e colocam uma corda para dar segurança aos demais. Superado esse trecho, teremos apenas mais 4h de caminhada até o cume de 6.565m. Voltaremos ao acampamento de 5.800m no fim da tarde. Incluído: café da manhã e jantar

Dia 11 – Retorno à base – 3300m
Iremos descer ao acampamento 2, já aos 3.300m onde encontraremos os arrieros e poderemos descansar e comer melhor. Incluído: café da manhã, lanche e jantar

Dia 12 – Retorno ao acampamento 1 – 2650m
Cruzaremos o rio Azufre e baixaremos ao acampamento 1 a 2.650m. Incluído: café da manhã, lanche e jantar

Dia 13 – Retorno à Santiago
Encontramos com nosso transporte e voltaremos ao hotel em Santiago/Chile. Incluído: Café da manhã, lanche, transporte e hotel

Dia 14 – Dia extra para mau tempo ou aclimatação

** O itinerário disponível aqui está sujeito à mudanças devido à condições climáticas, performance do grupo ou mudanças políticas/administrativas do local em questão.

Equipamentos

Todos os clientes GentedeMontanha.com tem desconto de 10% à vista na Loja Alta Montanha. Trata-se da loja virtual com mais variedade de equipamentos de montanha no Brasil. O desconto só é validado para clientes ou ex-clientes do GentedeMontanha.com. O desconto aparece automaticamente quando o cadastro for feito usando o mesmo email que nós temos no seu cadastro. Caso seu desconto não apareça por favor informe o nosso atendimento. Se você é um cliente novo, o seu desconto será validado à partir do início do pagamento.

O equipamento é uma das partes essenciais para o sucesso de uma expedição. Siga esta lista rigorosamente e nos informe qualquer dúvida. O equipamento será checado pelo guia logo após a sua chegada. Veja a lista por partes:

Equipamentos técnicos
Cabeça
  • equipamento-buff

    Bandana

    Buff, bandana ou similar é um lenço cilíndrico que permite vários tipos de uso

    Quantidade: 1 (1 já é incluída)
    Comprar
  • equipamento-balaclava

    Balaclava

    A balaclava protegerá seu rosto no dia de cume

    Quantidade: OPCIONAL
    Comprar
  • gorro_neblina_cinza-copia

    Gorro

    Gorro de lã ou polartec é muito útil nos dias frios

    Quantidade: 1
    Comprar
  • 141xNxgoggles.png.pagespeed.ic.RwzPn5JKLM

    Viseira de Ski

    Viseira com proteção UV categoria 3 ou 4 vai ajudar muito no dia de cume caso tenhamos uma tempestade ou houver vento branco.

    Quantidade: OPCIONAL (não é obrigatório quando já possui óculos para montanha)
    Comprar
  • 141xNxExplorer_noir-vert_J326-514_1722_2.png.pagespeed.ic.jZ4TkJQUm8

    Óculos para montanha

    Categoria 3 ou 4 – com proteção lateral ou que cubra todo o rosto.

    Aprenda a escolher um óculos de montanha para comprar.

    Quantidade: 1
    Comprar
  • 115149251_1GG

    Protetor labial e solar

    Calculamos que a luz UV em montanhas de altitude é de pelo menos 10 vezes maior que ao nível do mar. Precisamos um protetor de pelo menos FPS 30

    Pode ser comprado em qualquer farmácia.

    Quantidade: 1
  • batteries

    Pilhas

    AA ou AAA dependendo de sua lanterna. Considere levar um jogo de pilhas de lithium para o dia de cume.

    Quantidade: 2 trocas
    Comprar
  • 141xNxlanterna.png.pagespeed.ic.HMEfehu_q6

    Lanterna de Cabeça

    Lanterna de LED ou foco, à pilhas. Preferencia para lanternas com mais de 120 lumens.

    Quantidade: 1
    Comprar
Tronco
Pernas
Mãos
  • Screen Shot 2015-08-23 at 01.08.20

    Aquecedor Químico

    Estes são aquecedores químicos que à vista lembram um saco de chá. Eles contém um pó químico que aquece em contato com o oxigênio. Usamos um dentro de cada mitom para aquecer as mãos no dia do cume.

    Quantidade: 1 ou 2 pares
    Comprar
  • Miton

    Mitons

    Espaçosos mitons de pluma ou fibra sintética para serem usadas no dia do cume.

    Quantidade: 1 par
    Comprar
  • Luvas-segunda-camada

    Luvas de segunda camada

    Luvas leves de fleece ou polartec para dias frios ou com vento

    Quantidade: 1 par
    Comprar
Pés
  • Crocs ou chinelo

    Par de crocs, chinelos ou sandálias para descansar os pés enquanto estamos na base.

    Quantidade: 1 par para cruzar rios
    Comprar
  • bota

    Bota de caminhada

    Botas de caminhada de qualidade e em bom estado. Devem ser à prova d’água e de preferência, já amaciadas.

    Para ver botas unisex clique em “Comprar”. Para ver opções de botas femininas, clique aqui.

    Leia artigo que explica como comprar uma bota de trekking.

    Quantidade: 1 par
    Comprar
  • Meias-de-trekking

    Meias de Trekking

    Há vários tipos de meias de trekking. Elas são muito importante para não dar bolhas nos pés.

    Leia o artigo no AltaMontanha e veja qual meia de trekking comprar.

    Quantidade: 8 pares
    Comprar
  • thicksocks

    Meias grossas de expedição

    Meias que só serão usadas no dia do cume.

    Quantidade: 1 par
    Comprar
  • boots

    Botas Duplas

    Um par de botas plásticas como Koflach Exped, Koflach Vertical, Asolo Ottomilla, Asolo AFS, Trezetta, Scarpa Vega, Scarpa Inferno ou não plásticas como a La Sportiva Baruntse, Olympus Mons ou Spantik.

    Botas de couro ou de parede simples como La Sportiva Nepal XT, EVO, Batura ou Boreal Latok, NÃO SÃO ADEQUADAS para a cota de 6000 metros de altitude por serem muito frias. Consulte sobre o seu modelo específico de botas para confirmar a performance a 6000 metros.

    Saiba mais sobre botas duplas para alta montanha neste link.

    Por gentileza nos informar quando calçar fora do padrão (maior que nº45/ menor que nº 34)

    Quantidade: 1 par
    Comprar
Equipamentos Diversos
  • gel

    Gel de carboidrato

    Gel para ajudar a grande perda de energia no final da expedição

    Quantidade: 3 para o dia de cume
    Comprar
  • food

    Snacks

    Salgadinhos, doces, etc. Comida pronta para complementar os dias da expedição. Em montanhas de altitude não se preocupe com as vitaminas ou proteínas já que é tão difícil digerir esse tipo de comida. Toda essa comida pode ser comprada num mercado local.

    Quantidade: 200gr para o dia de cume Quantidade: 2kg
  • estanque

    Saco de estanque ou de plástico

    Ajuda a manter suas coisas organizadas e secas. Não opte por sacos de lixo, eles rasgam muito facilmente. Estes sacos serão utilizados para embalar todas as roupas e utensílios que irão na mochila.

    Quantidade: 2 - para deixar cargas nos acampamentos de altitude
    Comprar
  • Saco-de-dormir

    Saco de dormir

    Em montanhas de altitude preferimos os sacos de pluma de ganso. Saiba mais sobre plumas de ganso

    Leia artigo sobre saco de dormir e aprenda como escolher um saco de dormir para comprar.

    Quantidade: de -10C a -15C (temperatura de conforto)
    Comprar
  • deuter

    Mochila

    Veja qual se adapta à sua expedição.

    Leia este artigo e saiba como escolher uma mochila de montanhismo.

    Quantidade: Mochila cargueira com mais de 65 litros
    Comprar
  • meds

    Medicamentos para altitude

    Os guias do GentedeMontanha.com já contam com complexos kits de primeiros socorros, no entanto seria ótimo que cada um conte as drogas mais básicas durante a expedição.

    Em montanhas de altitude precisamos que você tenha além de qualquer medicamento pessoal, uma cartela dos seguintes medicamentos:

    Ibuprofeno – É o único anti-inflamatório capaz de combater a dor de cabeça de altitude
    Loperamida – controle de diarréia

    Leia mais aqui sobre medicamentos

    Quantidade: kit
  • kit

    Kit higiene pessoal

    Sabão, escova de dentes, pente, toalha, etc

    Quantidade: 1
  • Isolante-tÇrmico

    Isolante térmico

    Em Montanhas de Altitude utilizar 2 isolantes térmicos para seu conforto e segurança. Se o seu isolante for inflável, será obrigatório você ter um isolante de espuma (EVA) para diminuir a chance que este fure

    Quantidade: 1 é suficiente e 2 aumenta o conforto
    Comprar
  • flask_1600

    Garrafa Térmica

    Garrafa metálica de 1 litro. Principalmente para o dia do cume.

    Quantidade: 1
    Comprar
  • nalgene

    Garrafa para água

    Garrafas de um polímero duro e boca larga. Existem os camelbacks mas dependendo da altitude o cano congela e tem que ter cuidado para o manuseio, para não deixar vazar. Mas são ótimo para hidratação sem precisar parar.

    Quantidade: 2 de 1 litro ou 3 de 600ml
    Comprar
  • duffel

    Duffel Bag

    Saco do tipo “marinheiro”. Este deve ser resistente e impermeável. Recomendamos 90 a 120L. Usamos este saco para transportar seu equipamento. Se seu equipamento é transportado em animais de carga ou veículos, pode sofrer algum tipo de dano ou molhar.

    Leia este artigo e veja para que serve um duffel bag.

    Quantidade: 1
    Comprar
  • LioFoods (1)

    Comida Liofilizada

    Comida liofilizada ou desidratada para o ataque ao cume. Comidas da LioFoods ou similares funcionam muito bem.

    Veja este artigo como funciona e como são feitos os liofilizados.

    Quantidade: 1 ou 2 pacotes para o último acampamento
    Comprar
  • cadeado

    Cadeado

    Para fechar a mala durante o transporte

    Quantidade: 1
    Comprar
  • Bast∆o-de-caminhada

    Bastão de Trekking

    Ele dá mais estabilidade em terreno solto, em gelo duro ou mesmo em neve.

    Veja qual bastão de trekking comprar em artigo do AltaMontanha.

    Quantidade: 1 ou par
    Comprar

Perguntas frequentes

Veja algumas imagens de Eduardo Tonetti:
Veja alguns links sobre Eduardo Tonetti:

Eduardo Tonetti

Guia de Expedições

Eduardo Tonetti é natural de São Paulo e foi publicitário por 15 anos. Ele viveu no Brasil até 2010 quando decidiu largar tudo e viver da montanha. Edu cursou e se formou na escola de guias EPGAMT de Mendoza. Hoje ele é um dos poucos guias profissionais de montanha no Brasil.

Edu Tonetti é montanhista há 12 anos e tem grande experiência em escalada em rocha, gelo e alta montanha. Ele se especializou nos Andes Centrais e escalou dezenas de montanhas na região. Seu currículo conta com travessias nos Andes Centrais como a da Argentina ao Chile até escaladas em gelo, pois ele participa há 5 anos do Ice Climbing Festival em Vallecitos. Além disso ele já escalou  grandes montanhas como: Aconcágua (6962m), Ojos del Salado (6898m), Tres Cruces Sur (6738m), Tres Cruces Central (6640m), Mercedário (6770m), Vulcão Tupungato (6556m), Aconcagua (6962m) e Cerro Plata (5943m), Vicuñas (6087m), entre outros.

Em 2013 ele se formou na Escuela Preparatoria de Guias de Alta Montaña e atualmente vive em Mendoza na Argentina. Eduardo já trabalhou com desenvolvimento humano em São Paulo e na Argentina ele trabalha assistindo expedições no Aconcágua há 3 anos, passando de 3 a 4 meses do ano na montanha. No seu tempo livre Edu vai sozinho à alta montanha onde o conhecimento técnico, concentração e o comprometimento são importantíssimos para manter-se vivo.

Mapa

Custo

O custo total da expedição é de U$ 2950, entre em contato para detalhes sobre formas de pagamento.

O que está incluído:

  • Liderança do brasileiro Eduardo Tonetti, guia EPGAMT;
  • 1 ou 2 assistentes de guia dependendo do número de pessoas;
  • Transporte do aeroporto para o hotel e vice-versa;
  • 2 noites em hotel 3 estrelas em Santiago – os quartos são compartilhados por cada 2 membros da expedição;
  • Transporte privado de Santiago para a base da montanha;
  • Uso de barracas para altitude em toda a montanha;
  • Todas as refeições fora de Santiago;
  • Mulas para transporte de carga até a base, até 20kg por pessoa;
  • Fogareiros e gás em todos os acampamentos de altitude;
  • Permissões burocráticas;

O que não está incluído:

  • Passagem aérea desde o Brasil;
  • Equipamentos pessoais de montanha (recomendamos comprar em Santiago do Chile);
  • Devolução de dinheiro em caso de abandono;
  • Custos relacionados à resgate ou abandono da expedição;
  • Seguro de viagem;
  • Almoços e jantas em Santiago;
  • Reembolso em caso de perca de equipamento por roubo ou fenômenos climáticos;