Saiba mais sobre o nosso Roteiro Solidário

Blog | Expedições | Nenhum comentário

1170 x 460 Capa Blog (1)

Dia 15 de outubro estaremos no Trekking ao Monte Roraima!

Monte Roraima, localizado na tríplice fronteira Brasil, Venezuela e Guiana é atualmente uma das montanhas mais desejadas pelos montanhistas e trekkers do país. Paisagens incríveis de grande beleza cênica, caminhadas longas, prazerosas e fáceis além das histórias e lendas inspiradoras são os atrativos do roteiro.

Famoso pelo romance de Conan Doyle sobre o Mundo Perdido, o Roraima é uma montanha diferente das outras, pois tem um cume de mais de 100 km2, onde de acordo com o escritor britânico viviam monstros pré históricos. Apesar da fantasia, a paisagem do cume de fato inspira um mundo perdido por conta das diversas formas geológicas bizarras, como torres de pedra, cavernas, fendas profundas, cachoeiras, lagos gelados e a vegetação um tanto exótica, quase sempre envolta em neblina por conta da diferença de temperatura do topo com o entorno da montanha, em latitudes equatoriais.

Mesmo no meio da Amazônia, a região do Roraima não é envolta por florestas, mas sim pela “Gran Sabana”, um tipo de um cerrado venezuelano que se estende pelo estado brasileiro de nome homônimo. Paisagem essa que fará parte dos primeiros dias do trekking.

Apesar de fazer parte do Brasil, o acesso e os serviços são todos venezuelanos. A cidade base para este roteiro é a pequena Santa Elena do Uairén, localizada na fronteira com Pacaraima, Brasil. O acesso se dá por uma aldeia indígena, Paraitepuy, ponto de entrada para o Parque Nacional de Canaima onde está a montanha na Venezuela.

Este roteiro de 8 dias e 7 noites, mais os dias de chegada e retorno em Boa Vista e inclui o deslocamento de Boa Vista (RR) até Santa Elena e de lá até a montanha ida e volta. Guias de montanha. Alimentações durante o trekking e barracas.

Com grande orgulho informamos que o nosso roteiro ao Monte Roraima também será solidário! Idealizamos diversos roteiros vinculados à projetos sociais, onde parte ou todo o lucro é doado à instituições de ligadas ao Instituto Dharma, bem como outras parcerias.

A primeira ação social foi no Monte Kilimanjaro, na Tanzânia, em junho de 2016. Com os fundos e mantimentos arrecadados, conseguimos ajudar 296 crianças que moram nos pés desta bela montanha. Ajudamos a manter o Kilimanjaro Orphanage Centre e o Kilimanjaro Children Foundation por vários meses.

E contamos com a participação de 44 amigos membros do nosso time no Trekking Solidário ao Everest que realizamos em abril de 2017! E contribuímos com o Nepal com uma doação de quase 100 mil reais. Pois o Nepal ainda luta para se reerguer após o terremoto mais forte de sua história, ocorrido em abril de 2015. E pudemos contribuir com a ajuda de todos para projetos que visam a reconstrução de escolas e obras de infra-estrutura focadas em melhor a qualidade de vida e na educação deste povo tão acolhedor!

Pensando em nosso país e num papo descontraído com a Karina Oliani e o Andrei Polessi, soubemos mais detalhes sobre uma Expedição do Instituto Dharma no Piauí! E logos nossas ideias surgiram em transformar o nosso Roteiro ao Monte Roraima em mais um dos nossos projetos com responsabilidade social. E ainda mais para contribuir com o nosso povo, nossa Gente!

DHARMA PIAUÍ

dharmaO Dharma Piauí foi idealizado por Karina Oliani e Andrei Polessi. Que tem como objetivo uma Missão Médica no Piauí e desafia as dificuldades do sertão!

Levar serviços de saúde para os moradores do sertão do Piauí acaba sendo um exercício de constante adaptação. O semi-árido nordestino tem o cenário muito diferente e não oferece as facilidades do meio urbano de onde vem grande parte dos voluntários. Também há o desafio de prestar atendimento a cada um ou dois dias num lugar diferente. É necessário deslocar equipe, aparelhos para realização de exames e cirurgias, óculos para doação e medicamentos que serão prescritos para os tratamentos indicados.

Já realizamos uma primeira ação em 2016, uma missão médica com quase 2.000 Atendimentos, na qual a equipe recebeu 3 pacientes que precisaram de atendimento de emergência e foram encaminhados para internação em Paulistana-PI e Afrânio-PE, as poucas cidades da região a contar com hospital. Um desses pacientes, um menino de seis anos, apresentava quadro de desnutrição e desidratação graves e levou 2 dias no soro para que pudesse voltar a urinar.

Todo o material adquirido para a ação que sobrou foi doado para utilização nos município e continuou ajudando os sertanejos por mais alguns meses.

O Projeto contou ainda com uma forte campanha sobre a prevenção do Câncer de mama, já que a maioria das mulheres da região não tem acesso a informações sobre a detecção de doença. Além de mais de 200 consultas ginecológicas, foram realizados exames como o papanicolau e o de mama.

Este ano queremos contribuir ainda mais!

Tags:
Compartilhe:

Comente

Todos os campos são de preenchimento obrigatório!

Parcerias

×
Fale por Whatsapp!