Desenvolvimento Humano

PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO HUMANO EM AMBIENTES OUTDOOR E EXTREMOS

“Atualmente todos vivemos em um mundo dominado pelas máquinas. Quase não restam em nosso deteriorado planeta espaços livres, onde possamos esquecer nossa sociedade industrial e testar, sem sermos incomodados, nossas faculdades e energias primitivas. Em todos nós se esconde uma saudade do estado primogênito, com o qual poderíamos calibrar-nos com a natureza e enfrentá-la, descobrindo a nós mesmos. Aqui, está basicamente a razão de não haver para mim uma meta mais fascinante que esta: Um homem e uma Montanha.”(Reinhold Messner).

Porque uma montanha como campo de aprendizado e evolução?

Nosso objetivo é utilizar uma ferramenta, que é a “expedição em um ambiente de montanha”, como um instrumento para provocar a auto-evolução e potencializar o sentido de desenvolvimento, porque esta possibilita um processo de aprendizado e de autoconhecimento às pessoas que se permitem realizá-la.

A experiência não é completa em si mesma, necessita do trabalho de facilitação ao desenvolvimento como catalisador do processo, e a utilização do clima gerado ao redor de uma expedição para potencializar a utilidade que a mesma tem no trabalho de desenvolvimento humano. Vista de baixo até a primeira ascensão do Everest, era dito inúmeras coisas que poderiam estar no cume, mas no final só havia uma grande conquista.

Quem chega a conquistar o cume de uma montanha sabe o quanto teve que evoluir como ser humano para chegar lá. Ela também simboliza: constância, permanência, quietude e estado absoluto de consciência. A montanha exprime ainda as noções de estabilidade, de imutabilidade e até mesmo de pureza.

A quem se aplica?

Pessoas que acreditam no seu desenvolvimento através da busca do autoconhecimento e sua atuação enquanto integrante de um time, com um objetivo, a conquista de uma montanha em ambientes extremos.

Equipe do Treinamento

Eduardo Tonetti

Sabrina Paschoal

Guia de Montanha, Publicitário e Coach Montanhista, Psicóloga e Executive Coach

Foi publicitário durante 15 anos, decidiu largar tudo e viver da montanha. Edu cursou e se formou na escola de guias EPGAMT de Mendoza. Hoje ele é um dos poucos guias profissionais de montanha no Brasil. Com 12 anos de grande experiência em escalada em rocha, gelo e alta montanha.

Em 2013 ele se formou na Escuela Preparatoria de Guias de Alta Montaña e atualmente vive em Mendoza na Argentina. E trabalha com desenvolvimento humano em São Paulo e na Argentina.

Profissional com 17 anos de experiência na área de Recursos Humanos e Gestão de Pessoas, com foco no Desenvolvimento de Lideranças, Estruturação e Implantação da área de RH, Marketing Cultural, Desenvolvimento Organizacional, Programas de Trainees e Estágio.

Atualmente é Coach, Palestrante, Consultora e Terapeuta. Atua com Orientação de Carreira, Desenvolvimento Pessoal e Profissional, Projetos de Consultoria e desenvolve palestras unindo o mundo corporativo e as lições aprendidas na alta montanha e viagens de aventura.

Maximo Kausch

Pedro Hauck

 Alpinista profissional e líder de expedições  Geógrafo, doutorado em geologia, alpinista e guia
Nascido na Argentina, Maximo é idealizador do projeto e atualmente o recordista mundial de montanhas de altitude extrema e montanhas de 6000. Em 2010 ele começou com a coleta de dados e tem hoje um dos maiores acervos de rotas de GPS para montanha. O paulista Pedro Hauck é atualmente o brasileiro com mais montanhas de 6000 metros. Pedro utiliza seus conhecimentos geográficos para planejar as aproximações e escaladas. Ele também é o responsável pelo relevamento de sítios arqueológicos.

Objetivos

O objetivo é desenvolver parte das habilidades e competências humanas, além da inteligência emocional, tendo como base 4 diretrizes: • Aprender • Compreender • Conviver • Divertir A ideia é fortalecer o grupo como um time, alinhando metas e diretrizes para que os resultados sejam atingidos e as estratégias assimiladas, já que uma equipe forte melhora os resultados do todo. Melhorar a qualidade de contato pessoal, desenvolvendo relacionamento interpessoal, trabalhando as competências individuais e do grupo, facilitando o alcance das metas no ambiente de montanha.

  • Reconhecer suas forças e armadilhas enquanto líder ou membro de uma equipe;
  • Ser mais consciente não só das suas habilidades e necessidades, como também as dos outros;
  • Visualizar quais pontos desenvolver para trabalhar de forma mais eficiente com pessoas e situações diversas;
  • Dar mais valor a vida como uma dádiva, não só pelo milagre que é por si mesma, como pelas facilidades que o dia-a-dia urbano nos oferece sem nos darmos conta.

Usando a metodologia do Coaching, como sendo um processo de autoconhecimento que utiliza métodos e técnicas para elevar a performance e alavancar objetivos, atingir metas, solucionar problemas e desenvolver novas habilidades profissionais e pessoais

Observação – O programa e a dinâmica do trabalho podem ser modificados em função das necessidades dos participantes e dos objetivos do evento.

Processo de Trabalho e conteúdo programático

1. Inscrição e avaliação

Será preenchido um questionário avaliativo.

  • Qual a minha intenção em participar deste programa? O Contexto de vida no momento.
  • Que perguntas tenho sobre meu desenvolvimento?
  • Quais os meus sonhos e objetivos pessoais?

2. Avaliação:

Física, psicológica e pré-disposição para o processo de desenvolvimento.

DINÂMICA: O programa será vivencial e teórico, participará de atividades na montanha, organizadas e orientada pela nossa equipe, as experiências serão avaliadas em conjuntos com o grupo, e alguns temas serão abordados através de palestras, dinâmicas de grupo e trabalhos corporais que promovem uma participação mais ativa e dinâmica dos participantes, visando uma percepção mais clara e profunda de si mesmo, do outro e dos desafios a serem enfrentados em ambientes inóspitos.

 

ITINERÁRIO

1º dia – Deslocamento

Deslocamento até a Pousada onde o grupo ficará concentrado.

Opção de destino:

  • Parque Nacional do Itatiaia – Cidade base – Itamonte/MG
  • Moro Araçatuba – Cidade base – Tijucas do Sul (próximo a Curitiba) / PR

2º dia

Exercícios Respiratórios (2 exercícios rápidos de respiração do yoga e 2 exercícios de grounding para nos conectar com nossas raízes e nos colocar no momento presente). São exercícios de terapia corporal que nos fazem “aterrar” e viver no aqui e agora, percebendo nosso corpo. Podem ser feitos para abrir o dia, antes da palestra. São exercícios rápidos e efetivos.

• Exercício da Condução (com o uso de música, fazer um exercício de condução e liderança e explorar no final as sensações de estar na condição de condutor e conduzido). Isso revela traços da personalidade e pode ser feito antes do exercício dos bastões.

• Palestra sobre Objetivos (pode ser uma palestra maior ou se for necessário diminuir o tempo, uma explicação rápida para entrarmos na parte prática). Esse material pode ser adaptado ao tempo disponível.

• Exercício de Especificação de Objetivos – em um exercício de autorreflexão eles colocam numa folha os seus objetivos, dentro de qual contexto isso será alcançado, os motivadores/sabotadores, recursos, tempo, evidências, pontos fortes, a melhorar, etc. Pode ser colocado entre alguma palestra.

3º dia

• Exercícios da Empatia – é feito para melhorar o relacionamento entre os participantes, pois proporciona compaixão, observação do outro, flexibilidade e ativa a sensibilidade. Pode ser feito para abrir o dia e as atividades.

• Rodada de Perguntas – é um excelente quebra gelo, que aprofunda conhecimentos e acelera a interação entre o grupo. É um exercício rápido e eficiente.

• Palestra sobre aprendizados na montanha (sair da zona de conforto, lidar com adversidades, adaptação às mudanças, etc.).

• Exercício sobre Identificação de Valores – numa folha serão escritos os valores inerentes aos objetivos desenhados no dia anterior (como você se motiva, o que é importante para você)

• Matriz Swot Pessoal – através de reflexão, cada participante vai pensar em seus pontos fortes e a desenvolver, ameaças e oportunidades em termos de personalidade e que podem facilitar ou atrapalhar o alcance de objetivos. É uma boa “fotografia” de possibilidades de crescimento e reflexão.

4º dia

• Ensaio Mental – exercício de imaginação ativa, onde os objetivos são “visualizados” e antecipados, facilitando o entendimento de o que desejamos já está se desenvolvendo dentro de nós. É uma forma de se conectar com o futuro.

• Exercício de Feedback – é um momento em que o grupo olha para cada participante em relação às atividades dos dias anteriores e é uma forma de trabalhar a generosidade, a compreensão alheia e um olhar construtivo. É bastante rico em termos de informações que cada participante enxerga no grupo. • Fechamento – em grupo, todos juntos, através de uma frase ou palavra, fechamos os aprendizados, sensações e sentimentos do que foram esses dias e experiências vivenciadas.

 

Group of happy coworkers content as goal is achieved

Equipe mas motivadas

754181

Equipes com novas ideias

Business team with hands together - teamwork concepts

Equipes de trabalho mais integradas

A group of people with backpacks walking along the road. There are mountains on the horizon. The sky is blue and cloudy.

Novas vivências com a equipe

 

Groups of people in gone hikingAtividades outdoor em contato com a natureza

 GnsemarschNovos aprendizados em equipe

 

O investimento neste treinamento é realizado para grupos de no mínimo 6 a 30 participantes. Entre em contato para saber detalhes do treinamento, disponibilidade de data e formas de pagamento.

Temos a opção da contratação apenas de palestras (sem limites de participantes)

O que está incluído:

  • Liderança e Instrução dos profissionais de coaching
  • Dependendo da disponibilidade do evento poderá contat com a participação do Maximo Kausch e/ou Pedro Hauck
  • Assistente de guia na montanha
  • Taxa de manutenção do Parque Nacional
  • Transporte desde SP até o local do evento
  • 3 noites em pousada com pensão completa (café da manhã, almoço e jantar) – os quartos são compartilhados por cada 2, 3 ou 4 participantes
  • Lanches na Montanha
  • Transporte da pousada até a montanha e retorno
  • Equipamentos técnico e de segurança (quando necessário)
  • Uso de kit de primeiros socorros se for necessário
  • Ajuda para compra equipamentos de trekking
  • Bandana do Gente de Montanha
  • Seguro de viagem

O que não está incluído:

  • Transporte de trechos não mencionados
  • Equipamentos pessoais de montanha
  • Devolução de dinheiro em caso de abandono
  • Alimentação extras
  • Custeio de quarto individual caso você não queira dividir o seu quarto
  • Reembolso em caso de perca de equipamento por roubo ou fenômenos climáticos
  • Equipamento básico necessários para a prática da atividade, como:
  • Bota de Trekking
  • Calça de Trekking
  • Jaqueta
  • Óculos de montanha (sol)
  • Bastão de Trekking

 


Últimos posts